Resumo do livro Cadeiras Proibidas de Ignácio de Loyola Brandão

Introdução

O livro “Cadeiras Proibidas” é uma obra escrita por Ignácio de Loyola Brandão. Publicado em 2006, o romance aborda temas como a solidão, a tecnologia e a busca por conexões humanas em um mundo cada vez mais virtual.

Contexto

A história se passa em um futuro próximo, em uma cidade fictícia chamada São Paulo. Nesse cenário, as pessoas estão cada vez mais isoladas e dependentes da tecnologia. Os relacionamentos humanos são substituídos por interações virtuais, e a solidão se torna uma constante na vida dos personagens.

Personagens

O protagonista da história é um homem chamado Roberto, um escritor em crise que vive em um apartamento cheio de cadeiras. Ele é um dos poucos que ainda busca conexões reais, mesmo em um mundo onde as relações são cada vez mais superficiais.

Outros personagens importantes incluem Laura, uma mulher misteriosa que desperta o interesse de Roberto; e o Dr. Fritzenwalden, um cientista que desenvolve uma tecnologia capaz de criar hologramas humanos, agravando ainda mais a solidão das pessoas.

Enredo

O enredo se desenvolve a partir do momento em que Roberto conhece Laura, uma mulher que parece fugir das convenções sociais. Ele se sente atraído por ela e passa a questionar sua própria vida e suas escolhas. Ao mesmo tempo, o Dr. Fritzenwalden apresenta sua nova invenção: cadeiras que são capazes de criar hologramas de pessoas reais.

Roberto se vê dividido entre o desejo de se conectar com Laura e a tentação de se isolar ainda mais através das cadeiras holográficas. Ele passa a refletir sobre a importância das relações humanas e sobre o impacto da tecnologia em nossas vidas.

Mensagem

“Cadeiras Proibidas” é uma obra que nos faz refletir sobre a solidão contemporânea e sobre a importância de buscar conexões reais em um mundo cada vez mais virtual. Ignácio de Loyola Brandão nos alerta para os riscos de nos isolarmos e nos afastarmos do contato humano, ao mesmo tempo em que nos convida a valorizar as relações verdadeiras.

Conclusão

O livro “Cadeiras Proibidas” de Ignácio de Loyola Brandão é uma obra que aborda temas atuais e pertinentes, como a solidão e o impacto da tecnologia em nossas vidas. Através da história de Roberto e dos demais personagens, somos convidados a refletir sobre a importância das relações humanas e sobre a necessidade de buscar conexões reais em um mundo cada vez mais virtual.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *